domingo, 3 de março de 2013

Molho a Bolonhesa / Ragu alla Bolognese / Bolognese Sauce

Melhor molho a bolonhesa que já fiz. Sei que vai virar uma rotina em casa, pois fica muito gostoso, exatamente igual ao sabor das receitas das cantinas italianas. Só tem um probleminha, demora bastante pra fazer, pois o caldo deve ser apurado em fogo baixo, o que gira em torno de 2 horas, o que não é um bloqueio pra mim, pois adoro cozinhar e isso acaba virando uma terapia. 



Ingredientes:

  • 350 g de carne bovina moída
  • 250 g de carne de porco moída
  • 100 g de panceta moída (barriga)
  • 2 colheres de sopa de manteiga
  • 1 cebola média
  • 1 cenoura média
  • 1 talo de salsão
  • 2 colheres de sopa de azeite de oliva extra-virgem
  • 100 g de extrato de tomate
  • 200 ml de vinho tinto seco
  • 200 ml de leite
  • 500 mL de caldo de carne
  • sal e pimenta do reino moída



Modo de Preparo:

Passo 1:  Num processador coloque a cebola picada  grosseiramente, a cenoura e o talo de salsão. Processe até que fique bem miudinho. Reserve.




Passo 2: Numa panela grande, de preferência com fundo grosso, coloque a manteiga e o azeite de oliva extra-virgem. Acenda o fogo alto e deixe derreter a manteiga.




Passo 3: Adicione o processado reservado. Mexa para misturar bem com a manteiga e deixe fritar bem. 



Passo 4: Quando estiver bem frito, adicione as carnes bovina, suína e a panceta. É difícil o açougueiro moer carne suína, então compre bisteca ou lombo suíno e processe em casa, no processador. Faça o mesmo com a panceta (retire o couro da panceta). Fique fritando por um bom tempo, mexendo e apertando com o garfo para desfazer os grumos. É importante, nessa fase do preparo que isso seja feito para que o molho fique com aparência soltinha no final. Essa etapa demora bastante tempo.



Passo 5: Vá fritando essa carne até que ela fique dourada e soltinha.



Passo 6: Abaixe o fogo e vá adicionando o caldo de carne aos poucos, deixando apurar. Quando estiver seco adicione mais caldo de carne, e assim sucessivamente, até que todo o caldo de carne tenha sido adicionado. Deixe secar bem. Adicione o vinho e deixe secar completamente.

 


Passo 7: Adicione sal a gosto.



Passo 8: Adicione a pimenta do reino (ou mix de pimentas) moída a gosto.




Passo 9: Adicione o extrato de tomate. 



Passo 10: Adicione o leite e deixe o molho ficar na consistência que você quiser. Corrija o sal se necessário.


Está pronto o melhor molho de bolonhesa. Eu usei numa lasanha que será postada aqui na semana que vem. 



9 comentários:

Tonny disse...

Uhmmm, vou esperar a lasanha para experimentar com esse molho kkk

gleide disse...

Não tem perigo do leite talhar?

BETO disse...

@gleide

Gleide, já fiz algumas vezes e nunca talhou. Até por que, quando você adiciona o leite não é necessário ficar fervendo o molho por muito mais tempo. Bjs.

Márcia Rocha disse...

De volta ao lar e com muuuuuiiiitas saudades dos Amigos... E aqui retornando me deparo com este molho DELICIOSO!!!
Anotei a receita para fazê-la em breve. Espero por sua visita :0)
Beijos Márcia (Rio de Janeiro - Brasil)

http://decolherpracolher.blogspot.com

Anônimo disse...

No verdadeiro molho alla bolognese não vai leite. Realmente não acredito que o sabor mude para melhor. Claro que gosto é gosto, mas mesmo assim... não gostei...

BETO disse...

@Anônimo

Oi docinho, uma curiosidade. Por que sempre que alguém entra pra falar mal se esconde atrás do anonimato?
Eu usei uma variação, muito comum, do ragu alla bolognese. Se vc tiver um tempinho, visite aqui: http://ricette.giallozafferano.it/Ragu-alla-bolognese.html

Muito ódio no seu coraçãozinho...

Danilo disse...

vinho seco né amigo? abraços
ps: seu site eh bom demais. parabens

BETO disse...

@Danilo

Vinho tinto seco Danilo. Obrigado.

Danilo disse...

Meu querido, fiz essa receita hj e realmente eh divina, simplesmente perfeito o molho.